PUBLICIDADE
Governo de Minas nomeia mil aprovados em concurso para educação
29/08/2019 14:53 em Minas Gerais

Cronograma de convocações, que prevê também a demissão de designados, foi divulgado este mês pelo Executivo

 

Juliana Cipriani/Site Estado de Minas 

Postado em 29/08/2019 11:58 / Atualizado em 29/08/2019 12:14

A imagem da capa do site Multisom foi retirada de arquivos da internet/Google

 

Os primeiros mil concursados da educação, dos 8 mil que serão chamados pelo Governo de Minas até o primeiro semestre do ano que vem, foram nomeados em publicação desta quinta-feira (29) no Diário Oficial de Minas Gerais. Eles vão atuar em 255 municípios divididos em 47 superintendências regionais de ensino.

 

De acordo com a Secretaria de Educação, os convocados, que vão passar ainda por exame admissional na Superintendência Central de Perícia Médica e Saúde Ocupacional da Seplag, foram aprovados em concursos públicos realizados em 2014 e 2017.

 

Na lista estão  62 Especialistas de Educação Básica (EEB) e 938 Professores de Educação Básica (PEB). Os salários são de R$ 2.135,64 para uma jornada de 24 horas semanais.

 

O anúncio de que a nomeação ocorreria foi feito pelo governador Romeu Zema (Novo), que usou para isso as redes sociais. A convocação foi aprovada pelo Comitê de Orçamento e Finanças (COFIN) da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag).

 

De acordo com o cronograma informado pelas secretarias de Planejamento e de Educação em audiência na Assembleia, outros 2 mil profissionais da educação serão chamados ainda neste ano e mais 5 mil até julho de 2020. Na ocasião, o governo informou que vai demitir um igual número de designados, já que não pode haver aumento de gastos com a folha. 

 

Segundo os secretários, a prioridade será para nomear aprovados nos concursos que estiverem mais próximos de vencer. 

 

De acordo com dados do governo informados pela Assembleia, o estado tem hoje 146 mil professores na ativa, dos quais 68 mil são funcionários efetivos e 78 mil são designados.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
PUBLICIDADE